Saúde

Prefeitura de Aparecida assina contrato com Albert Einstein para gestão do HMAP

Lei que nomeou a unidade hospitalar como Hospital Municipal de Aparecida Iris Rezende Machado, em homenagem ao ex-governador, também foi sancionada durante a solenidade 

tarde desta segunda-feira, 28 de março, foi de celebração para a Secretaria Municipal de Saúde de Aparecida (SMS), que oficializou a parceria com a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein para gerenciamento do, agora, Hospital Municipal de Aparecida Iris Rezende Machado (HMAP).

Em solenidade realizada no Anfiteatro Municipal Cantor Leandro, o prefeito, Gustavo Mendanha, o secretário de Saúde, Alessandro Magalhães, e o diretor-superintendente do Instituto Israelita de Responsabilidade Social, Guilherme Schettino, assinaram o termo de cooperação entre o executivo municipal e a instituição paulista, que será a nova responsável pela administração do maior hospital municipal do Centro-oeste.

O Albert Einstein, que é referência internacional em excelência na prestação de serviços de saúde, ficou em primeiro lugar no chamamento público para seleção de instituição para gerenciamento do HMAP. Agora o contrato será publicado no Diário Oficial do Município. A previsão é de que os meses de abril e maio sejam de transição de gestão. Em junho, o Einstein já deverá estar operacionalizando 100% o HMAP.

Homenagem ao Iris

Além da assinatura do contrato, no evento, Gustavo Mendanha sancionou a lei que nomeia o HMAP como Hospital Municipal Iris Rezende Machado. Em dezembro de 2021, o prefeito encaminhou o referido projeto de lei para a Câmara Municipal, em um gesto de agradecimento ao ex-governador pela contribuição dada por ele ao desenvolvimento da cidade. Hoje, 28, a iniciativa foi comemorada pela viúva do ex-governador, dona Íris de Araújo, e pela filha do homenageado, Ana Paula Rezende Machado. Ambas participaram da solenidade em Aparecida.

“Eu quero agradecer muito ao pessoal aqui de Aparecida, prefeito Gustavo, sua esposa Mayara, e dizer que a nossa presença aqui, tanto a minha quanto da Ana Paula, diz respeito à fé e esperança. Fé num homem que deixou sua marca nesse Estado, deixou sua marca em Goiânia, deixou em Aparecida. Fé e esperança. Ana Paula, minha filha, jovem, mas que carrega já o legado de um homem que fez história em Goiás, em Aparecida e em Goiânia. Obrigada, é uma grande homenagem”, enfatizou dona Íris de Araújo.

Emocionada, a filha de Iris Rezende, Ana Paula, também agradeceu a escolha do nome do pai em uma obra, segundo ela, de tamanha magnitude e que é a maior homenagem recebida pelo legado do ex-governador: “Isso me faz ter a certeza de que valeu a pena, todo o trabalho, toda a história do Iris, é uma história que vou manter esse legado, eu quero deixar essa história para que sirva, para que mostre para as futuras gerações que vale a pena fazer a política por amor, fazer a política por ideal, muito obrigada prefeito, Deus abençoe a todos”.

Assinatura do contrato com o Einstein

Muito feliz e realizado com o momento, o prefeito Gustavo Mendanha celebrou a parceria com a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein: “Nosso objetivo é melhorar ainda mais os serviços de Saúde Pública em Aparecida, uma das prioridades do meu primeiro governo e que continua sendo da Prefeitura. Essa é a primeira unidade pública fora de São Paulo que o Einstein assume e quem ganha com isso é a população’, afirmou.

O gestor lembrou que sempre sonhou em elevar o nível de excelência dos serviços prestados e que cobrou de toda a equipe para que a Saúde Pública de Aparecida estivesse ao nível da privada. “E aqui temos uma das melhores instituições hospitalares do País para administrar o nosso HMAP, um hospital que contribui diretamente com o cidadão do Estado de Goiás, afinal, são mais de 50 municípios pactuados com Aparecida de Goiânia, cidade que foi um oásis na pandemia oferecendo serviços de Saúde de qualidade. Com o Einstein, vamos melhorar ainda mais nossos atendimentos 100% SUS”, reforçou.

O presidente da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, Sidney Klajner, em mensagem remota, afirmou estar honrado com a participação da instituição em um momento de coroação da cooperação, “fruto de um trabalho que vem sendo realizado de forma tão dedicada pelo prefeito Gustavo e pelo secretário Alessandro. O Einstein tem a missão de entregar vidas mais saudáveis para a população brasileira e eu espero que possamos fazer desse termo algo tão desejável para vocês”.

O secretário de Saúde, Alessandro Magalhães, destacou as metas estabelecidas para a nova gestão e as expectativas da pasta: “Esperamos aprimorar a capacidade do hospital como um todo, aumentando internações clínicas e exames, por exemplo. Em decorrência da pandemia, tivemos um represamento de algumas demandas, como as cirurgias eletivas, e agora elas serão priorizadas. Hoje o HMAP tem toda a tecnologia embarcada nele e tem uma capacidade muito grande, com equipamentos de última geração, e esperamos entregar ainda mais resultados”.

O diretor-superintendente do Instituto Israelita de Responsabilidade Social, Guilherme Schettino, falou sobre o projeto de fazer do HMAP um hospital escola: “Um hospital se habilita a ser de ensino quando disponibiliza a sua estrutura para o desenvolvimento dos profissionais de saúde. E quem ensina, faz melhor. Trabalhar em um hospital no qual existem alunos e outros profissionais se aprimorando depois da graduação, é uma boa maneira de se trazer qualidade para a instituição”.

HMAP

Inaugurado em dezembro de 2018, o HMAP é o maior hospital do Estado construído por uma prefeitura. Além de atender toda a população de Aparecida, o local é referência para outros 55 municípios da região Centro-Sudeste. O acesso aos serviços da unidade ocorre via Central Municipal de Regulação.

A equipe do Einstein deverá administrar os 235 leitos do hospital, realizando mais de 970 internações clínicas por mês. As dez salas do centro cirúrgico do hospital, bem como a nova sala de hemodinâmica, deverão realizar 870 procedimentos eletivos mensais. Estão previstas ainda a realização de mais de oito mil consultas médicas ambulatoriais e mais de sete mil exames de imagem por mês.

 

Waldemar

Waldemar Rego é jornalista formado pela Faculdade Araguaia com diploma reconhecido pela Universidade Federal de Goiás UFG com extensão na área de mídia e política no cinema, fotografia jornalística e publicitária, diversidade cultural da mulher na comunicação, comunicação em tempos de mídias sociais, identidade visual em peças publicitárias e no jornalismo. Waldemar Rego também é artista plástico escritor poeta com vários livros a serem publicados.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo